Altcoins Bitcoin Blockchain Exchanges Notícias

O Porquê do Preço do Bitcoin Não Ser Uma Bolha

O consenso entre a comunidade de investidores é que o preço do Bitcoin é uma bolha gigante à espera de rebentar. Naeem Aslam, assessor da Forbes e veterano do trading, procura explicar o porquê.

Aslam atribui esta percepção, que existe na comunidade de investimento, ao recorrente número de bolhas que se verificaram ao longo do tempo. O crash tecnológico, que testemunhou a queda de 78% do index do mercado de acções Norte Americano (NASDAQ) em 30 meses (queda terminou em 2002), é um bom exemplo.

Aslam fez questão de realçar que a NASDAQ não só recuperou do crash de 2002, como ainda teve um crescimento de 26% desde a recuperação total das perdas. O crescimento representa uma subida de 486% desde o ponto mais baixo do crash.

Quanto ao Bitcoin, todos os países estão interessados em criptomoedas, afirmou Aslam.

O que diferencia o Bitcoin

Hoje em dia, o grande público encontra-se mais virado para o Bitcoin do que para o maior mercado de bolsa do mundo, o dos Estados Unidos, declarou Aslam.

A sua imutabilidade, e a existência de um número limitado de moedas, são outras caracteristicas do Bitcoin. Para além dos aspectos supramencionados, Aslam assegurou também, que o “bitcoin é perfeito para o novo mundo tecnlógico”, porque os consumidores compram cada vez mais na Internet, usam cada vez mais bitcoin em vez de moedas correntes (EUR, USD, etc),  o que acaba por intensificar a procura de Bitcoin, referiu.

E a volatilidade?

Aslam não descarta a volatilidade inerente ao Bitcoin. Há especuladores constantemente a aderir e a sair da indústria do Bitcoin, o que inevitavelmente causa instabilidade. No entanto, a recente actividade no preço do Bitcoin indica que a instabilidade pode ser atribuída ao enorme fluxo de capital vindo do Japão e Coreia.

Alsam indica ainda outros desenvolvimentos que procuram solucionar a questão da volatilidade.

Com o New York Agreement estabeleceu-se um consenso relativamente ao rumo que o Bitcoin deveria seguir. As principais entidades da indústria do Bitcoin acordaram a implementação do update SegWit2x, que aumentou o espaço disponível por bloco.

A Austrália, por seu lado, planeia regular os mercados de câmbio das criptomoedas, o que se traduzirá em mais transparência e mais autoridade para a AFIA ( Australian Financial Intelligence Agency). A seu tempo, serão implementados mais produtos e funcionalidades, como por exemplo fundos de índice, que previsivelmente, atrairão uma procura intensa, e ajudarão a estabilizar o preço.

O preço do Bitcoin aumentou mais de $1800 este mês, e prossegue a sua caminhada até à marca dos $5,000.

As transacções com SegWit já foram implementadas, e para dia 22 de Novembro está planeado outro ‘hard-fork’ do Bitcoin, desta feita, para duplicar o tamanho de cada bloco para 2MB.


Fonte (Traduzido por: Tiago Bengala): https://www.cryptocoinsnews.com/bitcoins-price-isnt-bubble/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *